Família

O Pai Professor | Laços

Por 2 de julho de 2018 0 Comentários

professor mais importante no mundo não ganha nenhum salário, nunca se aposenta, e jamais entraria em greve.  A Palavra de Deus nos ensina que o todo pai é, acima de tudo, um professor que educa seus filhos nos caminhos sábios. Na Bíblia, o livro de Provérbios oferece conselhos práticos sobre o que o pai sábio deve ensinar aos seus filhos.  Há pelo menos 10 “matérias” no que chamo  o “currículo bíblico do lar”. Este pai ensina seu filho a:  

Ouvir e obedecer a instrução dos pais

(Pv. 1:8,9  4:1-6  6:2.)

Esta  matéria alicerça o resto do currículo do lar.  Entende-se que o pai sábio ganha os ouvidos do seu filho, para poder transmitir-lhe  outros ensinos essenciais.  Provérbios enfatiza esta matéria mais de qualquer outra.  Mas como ganhar os ouvidos dos nossos filhos? 

*gastar tempo juntos, como por exemplo, brincando, trabalhando, conversando.  Qualidade e quantidade de tempo  são importantes; 

 *assim como começar cedo com disciplina firme e afirmações de amor incondicional; 

*além de insistir em obediência imediata, e não depois do sétimo brado;

 *aprender a ouvir quando seu filho tem algo para falar. 

Valorizar a Palavra de Deus

(Pv. 4:20-23, 7:1-5)

O pai sábio reconhece a importância de gravar a Palavra na mente do seu filho cedo, como proteção contra perigos futuros.  Esta valorização pode ser feita de várias maneiras: 

*freqüência em cultos onde a Palavra de Deus é ensinada 

*pequenos períodos de leitura bíblica como família 

*concursos de memorização entre membros da família 

*freqüência em classes religiosas na escola,  Escola Bíblica Dominical, Escola Bíblica de Férias, 

Resistir maus companheiros

(Pv. 3:31,32  4:14,15, 26,27)

O perigo de cair nas mãos de companheiros ruins é grande.  Provérbios diz que devemos evitar o homem violento (16:29), bravo (22:24,25), indisciplinado (23:20,21, 28:7), perverso (23:17) e rebelde (24:21).  O pai esperto ensina o filho que “quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau” (13:20).  Algumas ideias práticas deste princípio incluem: 

*conhecer bem os amigos dos seus filhos    

*abrir sua casa como o “playground” da vizinhança 

*tomar cuidado com os heróis da mídia que seus filhos “adoram” 

*dar heróis dignos para seus filhos admirarem 

*mostrar na vida real as consequências de ter maus companheiros 

 Resistir pessoais imorais

(Pv. 7:6-27)

Educação sexual começa no lar.  O pai chega antes dos amiguinhos e explica os “fatos de vida”.  Em Provérbios, o pai adverte contra os perigos da sensualidade em não menos de seis passagens.  Sugerimos que os pais: 

*falem com seus filhos sobre sexualidade    

*ensinem a importância de fugir da imoralidade 

*usem discreção no entretenimento, especialmente TV, vídeos e música 

*mostrem as consequências da promiscuidade na vida real 

*avaliem material escolar à luz da Palavra de Deus 

Confiar no Senhor

(Pv. 3:1-8)

O filho aprende como confiar no Senhor pelo exemplo dos  pais que 

*oram juntos sobre necessidades, e contam as respostas para seus filhos 

*não reclamam sobre seu “azar” mas dão graças a Deus em tudo 

*contam aos filhos as histórias da provisão de Deus em suas vidas 

Contribuir para Outros

(Pv. 3:9,10)

Outro hábito dos pais que “pega” na criança é a contribuição.  O filho precisa aprender que Deus é o dono de tudo, e que uma maneira de reconhecermos que Ele  tem primeiro lugar em nossas vidas é através da generosidade.  Como que o pai pode ensinar este princípio? 

*explicar para os filhos a importância de um orçamento familiar 

*demonstrar pela prática e pelo exemplo como Deus recebe a primeira  parte do orçamento 

*dar oportunidades aos filhos ganharem dinheiro, e ajudá-los a designar a primeira porção como     contribuição às necessidades de outros 

  Aceitar disciplina

(Pv. 3:11,12)

Todo filho também precisa aprender aceitar de forma correta a disciplina do Senhor, que muitas vezes vem pela agência intermediária dos pais!: 

*não permitir que ele resista a disciplina 

*não permitir que ele responda de forma errada ao ser disciplinada (gritos, pranto exagerado, etc.) 

*disciplinar atitudes  e não somente ações erradas 

*dar um exemplo positivo, você mesmo, de humildade e submissão ao ser corrigido 

*pedir perdão do seu filho quando erra 

*ficar atento para as explicações do seu filho antes de discipliná-lo 

  Evitar dívidas (não ser cobiçoso) 

(Pv. 27:11-13, 28:22, 6:1-5, 22:7)

A dívida é uma expressão de cobiça–que não conseguimos esperar o tempo de Deus, mas insistimos em adquirir coisas agora.  É presunção e não fé que “leva agora, paga depois”.  O pai ensina  seu filho a não ser escravo da dívida: 

*deixando um exemplo de “levar agora, pagar agora” 

*ficando satisfeito com aquilo que você tem 

*aprendendo a viver mais simples 

*orando como família pelas suas necessidades e pelos seus desejos 

*aprendendo a poupar para ter o suficiente para seus gastos 

*demonstrando os perigos de dívida e fiança na vida “real” 

Ser diligente no trabalho

(Pv. 6:6-11)

Os pais são os professores principais de diligência no serviço. Mais uma vez,  seus exemplos falam mais alto que o próprio ensino.  Que tal . . . 

*dar tarefas para seu filho realizar diariamente em casa 

*insistir em diligência, integridade e qualidade no serviço 

*vigiar o progresso e esforço do filho nas tarefas escolares 

*insistir que ele mantenha suas próprias coisas em ordem 

Evitar  vícios

(Pv. 23:20,21)

Para concluir, a última matéria de destaque em Provérbios ensina moderação e auto-disciplina como estilo de vida.  Assim o filho nunca será pego pela armadilha dos vícios.   Como? 

 

*deixar um exemplo de moderação em todos os aspectos da vida (comida, bebida, exercício) 

*mostrar o “outro lado” dos vícios que a propaganda quer esconder 

*contar as histórias de pessoas conhecidas que estragaram suas vidas pelos vícios 

 

Entendemos que o pai sábio é diretor da escola mais importante na face da terra: o  lar!  Este pai-professor ensina seu  filho como ter uma vida bem sucedida, firmada na Palavra de Deus.  O seu salário é mínimo (zero!), mas o prazer de ver um filho seguuindo caminhos retos é uma recompensa fora deste mundo.  Parabéns, papai, pelo seu dia.  Que você seja um pai-professor digno do nome. 


Já se inscreveu para a Consciência Cristã 2019? Inscreva-se gratuitamente aqui

Davi Merkh

Davi Merkh

Pr. Davi Merkh, natural do Estados Unidos, é casado com Carol Sue Merkh. Davi é professor do Seminário Bíblico Palavra da Vida (SBPV) desde 1987, onde coordena o programa de Mestrado em Ministérios. Formado em teologia (AT) pelo Dallas Theological Seminary (EUA), Davi tem doutorado em ministério (ênfase ministério familiar). É pastor auxiliar de exposição bíblica na Primeira Igreja Batista de Atibaia (PIBA).

Deixe seu comentário