“Conheço as tuas obras, assim o teu labor como a tua perseverança, e que não podes suportar homens maus, e que puseste à prova os que a si mesmos se declaram apóstolos e não são, e os achaste mentirosos…Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor.”
(Apocalipse 2.2,4)

Certa vez uma menina pré-escolar tinha que fazer o papel de Maria, mãe de Jesus, num teatro natalino. No início tudo ia muito bem, e “Maria” sorria com satisfação enquanto admirava a boneca na manjedoura. Mas logo os animais, e pastores, e outras pessoas encheram o palco, até que ninguém podia ver o berço humilde. Foi então que a menina levantou a boneca sobre a cabeça de todos, onde ele ficou até o final da peça. Depois, quando alguém perguntou por que ela fez assim, a menina declarou, “Todos estavam tirando seu lugar. . . eu tinha que levantar Jesus!”

O lugar de Jesus está sendo tomado

Hoje, muitos estão tomando o lugar de Jesus. No mundo. No lar. Na igreja. Deus quer que Jesus seja o Centro do Universo! Ele é a razão da nossa existência, o propósito do mundo. O propósito de Deus em Cristo é “fazer convergir nEle, na dispensação da plenitude dos tempos, todas as coisas, tanto as do céu, como as da terra (Efésios 1.10). Fomos feitos por meio dele e para ele (Colossenses 1.16).

Infelizmente, assim como o monstro criado pelo Dr. Frankenstein, a criatura rebelou-se contra o Criador. Para a maioria, vida é sobre nós, não sobre Jesus. Estranho para nós o sentimento do Apóstolo Paulo: Para mim, o viver é Cristo, e o morrer é lucro! (Filipenses 1.21).

De fato, exaltar a Cristo deve ser o foco da minha vida e do meu ministério! A razão porque acordo na segunda-feira. Aquele que dá sentido ao meu estudo, trabalho e lazer. Meu alvo quando abro minha boca para dar uma aula de Escola Bíblica ou entrego um folheto evangelístico.

Mas há um Inimigo que tem o propósito contrário. Satanás, que queria se exaltar acima do trono de Deus e Seu Cristo, faz de tudo para tirar Jesus do centro das nossas vidas, dos nossos lares, das nossas igrejas. Interessante como aberrações teológicas e heresias quase sempre focalizam a pessoa e a obra de Cristo! Faz sentindo num mundo em que a guerra espiritual gira em torno de Quem é o Foco do universo. Algo (ou alguém) está sempre pronto para tomar o lugar de Jesus!

Cristo deve ser o Centro das nossas vidas

Cabe a nós “renovar a nossa mente” sobre a centralidade de Jesus no universo, mantendo Ele em primeiro lugar: “Portanto, se fostes ressuscitados juntamente com Cristo, buscai as coisas lá do alto, onde Cristo vive, assentado à direita de Deus. Pensai nas coisas lá do alto, não nas que são aqui da terra!” (Colossenses 3.1,2)

Se você já perdeu um pouco do seu primeiro amor por Cristo…se sua vida e seu ministério giram em torno de você…se você sente que a vida perdeu um pouco do seu gosto porque você perdeu seu rumo em direção a Cristo, basta seguir o conselho do Apóstolo João: Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor…Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te, e volta à prática das primeiras obras… (Apocalipse 2.4,5)

Eu e você, temos que levantar Jesus!

Davi Merkh

Pr. Davi Merkh, natural do Estados Unidos, é casado com Carol Sue Merkh. Davi é professor do Seminário Bíblico Palavra da Vida (SBPV) desde 1987, onde coordena o programa de Mestrado em Ministérios. Formado em teologia (AT) pelo Dallas Theological Seminary (EUA), Davi tem doutorado em ministério (ênfase ministério familiar). É pastor auxiliar de exposição bíblica na Primeira Igreja Batista de Atibaia (PIBA).
Davi Merkh

Últimos posts por Davi Merkh (exibir todos)

Leave a Reply