Teens

Listas! | YOLO | Devocional para adolescentes

Não torneis a ninguém mal por mal; esforçai-vos por fazer o bem perante todos os homens; se possível, quanto depender de vós, tende paz com todos os homens. Romanos 12:17-18

Existem coisas que eu nunca vou me esquecer – pelo menos se eu não sofrer de amnésia ou algum outro mal assim. Uma delas são os amigos da minha adolescência. Éramos um grupo grande e unido. Acho que todos nós de alguma maneira marcamos a vida uns dos outros. Hoje, mesmo distante de alguns deles, não temos como não nos lembrarmos de nossas conversas, encontros e até desencontros com muito carinho. Foi um tempo muito bom. Até porque foi nesse tempo onde eu e, agora, minha esposa, começamos a cruzar os nossos olhares.

Já são quase quatro anos de casamento, quatorze de namoro e vinte e quatro que nos conhecemos. Não sei como ela ainda não enjoou de mim. Acho que se eu namorasse comigo mesmo já tinha me dado um tempo. Nossa turma foi muito abençoada por Deus! Até uma avó Ele nos deu!

Lembro-me que pelo menos uma vez por mês, algum colega gritava: “Vamos fazer um churrasco?” E logo alguém já emendava outra pergunta para outro colega nosso: “Podemos fazer na casa da sua vó?”. Nossos encontros eram sempre na casa da vó de dois colegas nossos que são primos. Uma casa dentro da cidade com campo de futebol, piscina e churrasqueira. Se a resposta dele fosse um “sim”, o próximo barulho, antes mesmo da comemoração, era de uma folha de caderno sendo rasgada pelo espiral: “Vamos fazer uma lista!”. Para cada encontro, várias folhas, várias listas. Lista de presença, lista do que tínhamos que levar, lista de quem iria ficar responsável por cada coisa. Listas e mais listas.

Deus nos permitiu termos uma adolescência sadia e feliz longe de muitas coisas ruins que hoje muitos adolescentes não vivem sem. Talvez por isso, apesar da bagunça que às vezes fazíamos, a casa da vó Jessy sempre esteve de portas abertas pra gente! Sou muito grato a Deus pela vida dela. Minhas melhores lembranças ela ajudou a construir. Hoje algumas coisas mudaram nos encontros dos adolescentes. A começar pelo começo: a lista. Através do whatsapp e, principalmente, dos grupos que ele nos permite criar, organizar um evento e fechar a lista de presença ficou muito mais fácil!

Agora, quando alguém surge com a ideia do churrasco, o barulho que ouvimos não é mais o de uma folha, mas sim das dezenas de notificações de mensagens com rostinhos, mãozinhas e tudo o que é desenho que o aplicativo possui que conseguimos dizer: “Tamo junto!“. Apesar da facilidade que temos de criarmos nossas listas seja em grupos no whatsapp ou em outros aplicativos do nosso celular para atividades particulares, algumas pessoas não abriram mão da folha.

Ontem estava no supermercado e reparei como diversas mulheres ainda preferem o papel para fazerem a sua lista de compras. Mas não são só elas! Na última vez que fui ao médico e, não faz tanto tempo assim, minha pequena lista de remédio também foi escrita à mão. Não que eu quisesse que o médico me mandasse um “zap” com minha medicação, mas ele poderia pelo menos ter digitado. As farmacêuticas agradeceriam! Uma coisa é certa: ainda que a forma de fazê-las continue mudando, as listas não desaparecerão! E acho que quanto mais listas nós fizermos, mais organizados nossos compromissos, nossos estudos, nossa saúde e as nossas finanças estarão.

O problema é quando tudo está organizado, mas o nosso coração está um caos. Trazemos coisas do passado, seja remoto ou distante, que ainda não foram resolvidas. Precisamos pedir perdão pra alguns. Precisamos liberar perdão para outros. E temos uma dificuldade enorme de colocarmos o nome de cada pessoa que precisamos procurar em uma lista. Não queremos ser acusados por ela depois. Não queremos levantar provas dos nossos próprios crimes. Preferimos fingir que tudo está bem. Mas sabemos que não está!

Se a lista sempre funcionou bem para tudo que fazemos, não vai ser com o nosso coração que ela irá nos decepcionar. Então pegue o papel, quer dizer, o celular, ou o que você preferir, mas não deixe de fazer uma das listas mais importantes da sua vida: a lista do perdão!

Oração

Peça a Deus que te dê em primeiro lugar coragem para separar um tempo onde você possa avaliar a sua história e as pessoas que por ela passaram e, anotar como um lembrete e um compromisso o nome de todos aqueles que você precisa no tempo certo pedir ou liberar perdão.


Já se inscreveu para a Consciência Cristã 2019? Inscreva-se gratuitamente aqui

Diego Guerzoni Brusamolim (Xero)

Diego Guerzoni Brusamolim (Xero)

Casado com Camila e pai da Manuela. Presbítero da Igreja Presbiteriana do Brasil em Santa Rita do Sapucaí - MG, onde desenvolve junto de sua esposa um ministério com adolescentes há 8 anos. Líder e fundador do Programa Arte & Vida, projeto social que oferece cursos gratuitos para adolescentes carentes. Líder local do projeto Escola da Vida da Mocidade para Cristo que promove encontros e palestras para alunos, pais e professores. Capelão da Escola Estadual Sanico Teles.

Deixe seu comentário